O Garmin e as Séries

Maravilhado com as potencialidades do novo ‘brinquedo’ e com a facilidade com que se programa. Desta vez, foi a aplicação prática para a execução das Séries ou Treino Intervalado. Os sites e blogues da especialidade são unânimes em referir este tipo de treino para uma evolução eficaz na corrida. Por isso, fui experimentar.

Primeiro passo: programar o treino. Ir ao Garmin Connect e escolher o modo “Workouts”.

Garmin Workout

Escolher [New Workout], definir um nome para esse treino e adicionar os [Steps] e [Repeat] necessários.

  1. Step tipo “Warm Up”, com duração de 20’00’’ e ritmo entre 5’30’’ e 5’50’’/Km;
  2. Grupo Repeat para 3 repetições;
  3. Step tipo “Interval”, para percorrer 1000m num ritmo entre 5’00’’ e 5’10’’/Km;
  4. Step tipo “Recovery”, para fazer 3’00’’ em ritmo de trote;
  5. For a do grupo anterior, Step tipo “Cool Down”, com duração de 10’00’’ e ritmo lento (não defini);

Não sei se terá sido a melhor opção de treino. Por isso, todas as sugestões serão bem-vindas.

Por fim, gravar e fazer [Send to Device]. Tão simples quanto isto.

Segundo passo: ir para a pista de atletismo, escolher o Workout que foi programado e começar a correr. Uma pedido de ajuda. Depois de começar o treino, existe forma de fazer “Pausa” no mesmo? Se eu carregar em “Stop” isso irá funcionar como pausa, ou arrisco-me a perder o treino já efectuado? Adiante. Os resultados foram estes:

Garmin Workout1

Garmin Workout2

Aproveito para referir que foi também a primeira vez que usei a banda para medição da frequência cardíaca. Quando vi os valores a rondarem as 170 pulsações por minuto, achei que seria elevado. Neste artigo da Sport Life é dito que: “Zona máxima (85-90%, 100%): no BTT é provável que ultrapasses os 90% em algumas zonas do percurso mas não é tão frequente acontecer na corrida. Esta é a zona das séries, do trabalho de rampas e do sprint para a meta”. Ora, tendo eu 43 anos, o meu limite máximo serão 220 – 43 = 177bpm. E 90% disso serão 160bpm. Ou seja, fiquei numa zona onde não deveria andar. Mais treinos vão melhorar isto?

Em relação ao treino e aos ritmos. Uma volta de 20’00’’ a uma média de 5’40’’/Km. Três voltas de 1000m a uma média entre os 5’00’’ e os 5’10’’/Km. Três períodos de recuperação a uma média superior a 7’00’’/Km e uma volta final de 10’00’’ a uma média de 5’35’’/Km.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Equipamento, Treino com as etiquetas , . ligação permanente.

2 respostas a O Garmin e as Séries

  1. João Lima diz:

    Caro amigo

    Este “brinquedo” é um nosso grande e inseparável amigo. O que nos ajuda a melhorar!!!

    Um abraço

  2. Graça Maria diz:

    Tchiiiii! eu tomo um comprimido diário para as minhas pulsações andaram nos 60 e tal, ehehehe!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s