Uma toalha preta transpirada

frajen-washcloth__0102665_PE248027_S4

Uma merda que eu podia ignorar, passar à frente e fazer de conta que nunca tinha acontecido. Mas não. É uma merda que me está a chatear e sobre a qual preciso escrever aqui para desabafar. Ao menos isso. Ontem fui ao ginásio, tal como tenho ido nos restantes dias. Equipei-me, agarrei no leitor de mp3, no cantil com metade de água e metade de bebida isotónica, e por fim, na toalha preta que é usada para absorver o suor que costuma escorrer de forma abundante e que também é usada para colocar sobre os aparelhos onde nos deitamos e nos encostamos. Saliento que é uma simples toalha preta, com as dimensões das que são usadas nas casas de banho para limpar o rosto, sem quaisquer bordados que possam ter sido feitos por uma bordadeira de Arraiolos. Uma simples toalha preta sem nada que pudesse despertar a cobiça alheia.

Pois bem, ontem, tal como nos outros dias, fui para o ginásio suar e limpar-me com a dita toalha. No final do treino de força deve-se fazer o treino cardiovascular, e nuns dias tenho pedalado na bicicleta de fitness, noutros dias, em vez de correr na passadeira, tenho optado por ir correr para a rua. Por isso ontem fui para o balneário colocar o Garmin, a banda de medição dos batimentos cardíacos, o chapéu e os óculos. A toalha preta, que esteve a absorver suor, decidi pendurá-la num cabide, para secar um pouco e para usá-la quando voltasse da corrida.

Fui correr, voltei, entrei no balneário e …. CUM CARAÇAS! Onde está a merda da toalha? Será que a tinha guardado na mochila? Fui ver. Nada. Ser que eventualmente alguém a teria ido entregar na recepção? Fui perguntar. Nada. Que merda. Uma simples toalha preta, empapada de suor, havia sido levada por alguém. Isto não é normal. Eu nem sequer me tinha borrifado com AXE. Até se podia dizer que a toalha tivesse sido levada por alguém que não tinha resistido ao poder do AXE que emanava da toalha. Mas não foi o caso. A toalha estava transpirada e devia cheirar a …  suor. Vivendo e aprendendo. De futuro, até uma merda de uma toalha suada eu vou ter de guardar no cacifo enquanto for correr.

Esta entrada foi publicada em Desabafo, Ginásio com as etiquetas , . ligação permanente.

5 respostas a Uma toalha preta transpirada

  1. Lénia diz:

    Mai nada! 🙂

    Cá para mim, era uma toalha de marca!

  2. Anónimo diz:

    Cá para mim foi alguma fã …:) 🙂 Eu faço ao contrário… 1º o treino cardio e depois o de força… mas vou fazer umas alterações e experimentar a tua formatação!

    • 🙂 A explicação porque faço assim relaciona-se sobretudo com o objectivo de perder massa gorda. Durante uma hora a hora e meia, o corpo estará a consumir hidratos durante o treino de força. Depois, ao correr mais de 30 min, se possível na zona chamada de ‘queima gordura’, mais ou menos entre as 130 e 145bpm (no meu caso), estarei a fazer com que o corpo consuma mais gordura que hidratos. Mas isto é o que tenho lido por aí nas publicações da especialidade 🙂

  3. Deve ter sido a Troika.
    Isto com a crise tudo serve ;D

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s