A caminho do IBERMAN – Os treinos que fiz

IBERMAN

E pronto, terminaram 4 meses de treino de preparação para a prova do IBERMAN, a 11 de Maio. Infelizmente não houve grande regularidade e falharam-se vários treinos importantes, com o ciclismo a ser o segmento mais sacrificado. Mas agora não é tempo de pensar sobre o que não foi feito. Importa sim pensar naquilo que foi possível fazer e atingir, pois será isso que contará para a forma com que irei avançar para esta prova, o meu maior objectivo desportivo até à data.

  Natação Ciclismo Corrida Total
JAN 03 3,0 01:20:00 0,0 00:00:00 7,0 00:45:00 10,0 02:05:00
04 3,1 01:20:00 0,0 00:00:00 18,0 01:55:00 21,1 03:15:00
05 5,4 02:20:00 61,0 02:40:00 18,0 01:50:00 84,4 06:50:00
    11,5 05:00:00 61,0 02:40:00 43,0 04:30:00 115,5 0d 12:10:00
FEV 01 5,0 02:05:00 111,0 04:25:00 18,0 01:50:00 134,0 08:20:00
02 7,3 03:00:00 60,0 02:35:00 11,0 01:05:00 78,3 06:40:00
03 6,3 02:40:00 81,0 03:00:00 8,0 00:50:00 95,3 06:30:00
04 7,5 03:00:00 0,0 00:00:00 28,0 02:50:00 35,5 05:50:00
    26,1 10:45:00 252,0 10:00:00 65,0 06:35:00 343,1 1d 03:20:00
MAR 01 9,0 03:45:00 64,0 02:30:00 33,0 03:20:00 106,0 09:35:00
02 7,7 03:15:00 120,0 04:30:00 37,0 03:35:00 164,7 11:20:00
03 9,0 03:45:00 196,0 07:55:00 19,0 01:55:00 224,0 13:35:00
04 6,2 02:35:00 40,0 01:25:00 31,0 03:00:00 77,2 07:00:00
    31,9 13:20:00 420,0 16:20:00 120,0 11:50:00 571,9 1d 17:30:00
ABR 01 8,2 03:20:00 75,0 02:35:00 22,0 02:05:00 105,2 08:00:00
02 6,0 02:30:00 145,0 06:15:00 32,0 03:15:00 183,0 12:00:00
03 6,0 02:30:00 203,0 07:55:00 30,0 02:55:00 239,0 13:20:00
04 6,0 02:30:00 78,0 03:20:00 41,0 03:50:00 125,0 09:40:00
    26,2 10:50:00 501,0 20:05:00 125,0 12:05:00 652,2 1d 19:00:00
MAI 01 8,5 03:30:00 154,0 05:50:00 28,0 02:40:00 190,5 12:00:00
02       0,0 00:00:00
03       0,0 00:00:00
04             0,0 00:00:00
    8,5 03:30:00 154,0 05:50:00 28,0 02:40:00 190,5 0d 12:00:00

E os números em gráficos

image

Quilómetros por segmento de desporto (o ciclismo é lido na coluna da direita)

image

Número de horas por segmento de desporto

Lá está, o ciclismo a apresentar grandes variações em cada semana, tendo sido capaz de pedalar 196Km numa e apenas 40Km na seguinte, ou 203Km numa e apenas 78Km na seguinte.

Menos mal a corrida, onde consegui manter uma regularidade no número de quilómetros em função da disponibilidade física, das dores e da perna esquerda, que por vezes parece presa por arames. Pelo menos foram 4 meses de preparação sem qualquer lesão, o que me deixou bastante animado face ao ano anterior, onde julgava que o importante seria andar na pista a fazer séries ‘à maluca’, e por causa disso e não só, acabei por visitar a fisioterapia por duas vezes. Agora, devido sobretudo à mudança de mentalidade e da forma como fiz os treinos, fugi da pista e do alcatrão, e as minhas pernas agradeceram. Terra batida, sempre que possível.

A natação foi e será sempre o segmento onde consigo a maior regularidade, já que as condições atmosféricas não são desculpa para falhar treinos. É também um segmento que por vezes utilizo para descansar e relaxar as pernas de treinos mais exigentes no ciclismo ou na corrida. No somatório desses treinos, reconheço que privilegiei mais os treinos de força em detrimento da velocidade, mas procurei apurar a técnica sempre que possível.

Gostaria de salientar isto: depois de uma paragem de 2 meses em que nada fiz (Novembro e Dezembro de 2012), voltei aos treinos com custo e tudo era uma esforço desgraçado. Até o selim se tornava insuportável ao fim de 30Km. Mas os treinos foram encaixando aos poucos e, ao fim de 4 meses, já consegui totalizar num mês uns 32Km de Natação, 420Km de Ciclismo e 120Km de Corrida. Digamos que não estou propriamente mal preparado para o grande desafio que se aproxima. Haja sobretudo cabeça, coisa que não sei se cheguei a treinar ou nem faço ideia como se irá portar nos momentos mais difíceis da prova.

Por fim o peso, esse papão que faz toda a diferença na melhoria do desempenho desportivo e que é sempre tão difícil domar – no meu caso, é. Comecei os treinos com uns ricos 85Kg e lá consegui ir perdendo peso de forma progressiva, como convém. À entrada para a semana de recuperação antes da prova, estava com 80.4Kg, ou seja, ali perto dos 80Kg que era o objectivo que tinha sido traçado. Porém, como esta semana vai ser de treinos ligeiros, com menor consumo calórico e como deve aumentar o consumo de hidratos de carbono, é provável que chegue ao dia da prova com 81Kg.

image

Faltam 5 dias para o grande evento. 5 dias de poucos treinos, leves e curtos, o suficiente para o corpo não pensar que entrei de férias desportivas. 5 dias de recuperação e descanso q.b., mas de muita preparação mental. 5 dias para planear tudo ao pormenor e pensar em planos B. Falta pouco.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Espanha, IBERMAN, Triatlo com as etiquetas , , . ligação permanente.

Uma resposta a A caminho do IBERMAN – Os treinos que fiz

  1. Pingback: I TRIATLÓN IBERMAN – Media Distancia | Ma Ke Jeto, Mosso on Sports

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s